28 de outubro de 2016

Ataxia cerebelosa aguda


A ataxia cerebelosa aguda é uma perda súbita de coordenação muscular causada por danos e/ou degeneração do cerebelo ou conexões. O cerebelo é uma área na parte de trás, uma parte inferior do cérebro que desempenha um importante papel no movimento e coordenação. 
 As áreas de ligação ao cerebelo que podem causar ataxia cerebelosa aguda são as pontesos pedúnculos cerebelososnúcleo vermelho e os pedúnculos cerebelosos. 
As pontes são uma parte do tronco cerebral, que é muito importante para o sono e despertar. O tronco cerebral é uma área na parte inferior do cérebro, que se conecta com a medula espinhal. Os pedúnculos cerebelosos são feixes de fibras nervosas que ligam o tronco encefálico com os pedúnculos. O núcleo vermelho é uma grande massa, bem definida, cinza-avermelhado, alongada de células no cérebro médio que recebem grandes quantidades de informação do cerebelo. O mesencéfalo é a parte superior do tronco cerebral. 

O que causa a ataxia cerebelosa aguda? 
ataxia cerebelosa aguda é causada por uma perturbação na transmissão dos sinais nervosos para o cerebelo, que afeta as reações da coordenação e musculares. Isso é muitas vezes causado por uma doença infeciosa viral, mas qualquer outro problema que conduza à inflamação no cerebelo pode causá-la. Exemplos de doenças que possam causar ataxia cerebelosa aguda são a varicela e um vírus conhecido como o vírus CoxsackieCoxsackie refere-se a uma coleção de vírus estreitamente relacionados classificados entre os enterovírus. Os enterovírus são vírus que causam a infeção depois de serem levados para o corpo por via oral através comida ou água contaminada e que, em seguida, multiplicam-se no intestino. O intestino é uma estrutura em forma de tubo que é parte do trato digestivo. 
Nos adultos, as causas mais comuns de ataxia cerebelosa aguda são o vírus Epstein-Barr e infeções provocadas por organismos micloplasmais. O vírus Epstein-Barr é um dos vírus mais comuns em humanos. Os organismos micoplasmais são a forma de vida livre mais pequena conhecida. Causam infeções, agindo como parasitas sobre o exterior das células. Um parasita é um organismo que vive dentro ou sobre outro organismo para obter alimento. Distúrbios nos vasos sanguíneos que fornecem sangue ao cerebelo também podm, causar ataxia cerebelosa aguda. 

Quais são os sinais da ataxia cerebelosa aguda? 
 A ataxia cerebelosa aguda é o sinal mais importante de danos no cerebelo. A ataxia cerebelosa aguda pode afetar movimentos do tronco e membros (braços e pernas). O tronco inclui todas as partes do corpo, exceto a cabeça, braços e pernas. 
Os sinais mais comuns de ataxia cerebelosa aguda incluem movimentos bruscos de contorção nos membros, hipotonia, incoordenação e tremores (ação/intenção)A hipotonia é anormal diminuição do tónus ​​muscular (tensão). Isto pode apresentar-se como falta de manutenção da postura, diminuição da resistência a uma ligeira pressão exercida sobre os membros, e atraso nas respostas motoras. A incoordenação pode apresentar-se como atrasos no início de respostas nos membros, erros na força ou amplitude de movimento e erros na taxa e regularidade dos movimentos. Por exemplo, quando a pessoa tenta alcançar algo, pode errar o alvo de uma maneira significativa. 
Pode haver uma incapacidade para caminhar sem apoio. A incoordenação pode causar uma diminuição da capacidade de realizar movimentos rápidos alternados - um problema conhecido como disdiadococinesiaOs tremores de ação (também conhecido como tremores de intenção) pioram quando se tentam realizar movimentos voluntários. Na ataxia cerebelosa aguda, os sinais acima mencionados não são causados ​​por fraqueza ou perda do sentido de equilíbrio. 
Se a vermis cerebelosa está envolvidatambém pode acontecer uma postura instável, andar instável de base ampla, e nistagmo (movimentos involuntários bruscos oculares). vermis cerebelosa é uma estrutura estreita, em forma de verme entre ambos os lados do cerebelo. O tronco é o mais provável de ser afetada se a vermis cerebelosa estiver envolvida, enquanto os membros são os mais propensos a serem afetados se a parte principal do cerebelo estiver envolvida (conhecida como os hemisférios do cerebelo). Quando a criança está sentada, o tronco do corpo pode mover-se para trás e para a frente e/ou de lado a lado e, em seguida, retornar à posição vertical. Quando o tronco do corpo está envolvido, esta é muitas vezes chamada de ataxia do tronco (também conhecida como ataxia axial). A disartria também pode ocorrer na ataxia do tronco. A disartria é uma dificuldade na articulação da fala que resulta de uma diminuição da capacidade de controlar os músculos envolvidos na fala. 
Os distúrbios mais graves na ataxia cerebelosa aguda são causados ​​por danos nos pedúnculos cerebelosos superiores e no núcleo vermelho.. 

Em que idade pode ocorrer a ataxia cerebelosa aguda? 
A ataxia cerebelosa aguda pode ocorrer em qualquer idade, desde a infância até à idade adulta. Quando a condição ocorre na infância, geralmente ocorre antes dos 3 anos, várias semanas após uma doença viral. 

Como é diagnosticada a ataxia cerebelosa aguda? 
O primeiro passo para o diagnóstico da ataxia cerebelosa aguda consistirá no médico, para descartar outras causas do distúrbio do movimento, obter um historial médico completo e determinar se houve algumas doenças recentes. Alguns testes adicionais podem incluir a tomografia axial computadorizada (TAC) ou ressonância magnética (MRI) do cérebro. A TAC e a ressonância magnética são muitas vezes capazes de identificar o que está causar uma anomalia. Também podem ser solicitados raios-X. A TAC é uma técnica de imagem avançada que usa raios-X e tecnologia de computador para produzir imagens mais claras e detalhadas do que um raio-X tradicional. As ressonâncias magnéticas produzem imagens extremamente detalhadas do interior do corpo, utilizando imanes muito poderosos e tecnologia informática. 
Noutro teste, o médico pode fazer uma punção lombar, para procurar o aumento dos níveis de proteína no líquido cefalorraquidiano. Um punção lombar é um procedimento em que uma agulha é inserida num espaço dentro do canal da coluna vertebral com a finalidade de remover algum do líquido cefalorraquidiano. O canal medular é o espaço entre a medula espinhal e a estrutura óssea que a rodeia.  

Existe algum tratamento para a ataxia cerebelosa aguda? 
Não há tratamento específico para a ataxia cerebelosa aguda. 

Qual é o prognóstico para a ataxia cerebelosa aguda? 
Pode-se esperar uma recuperação total da ataxia cerebelosa aguda num período de semanas a alguns meses. No entanto, existem casos pontuais em que a criança fica com um distúrbio do movimento permanente ou problema comportamental. 

Que complicações podem haver na ataxia cerebelosa aguda? 
Raramente, os distúrbios do movimento ou comportamentais podem persistir na ataxia cerebelosa aguda. 

Por que outros nomes também é conhecida a ataxia cerebelosa aguda? 
ataxia cerebelosa aguda também é conhecida como cerebelite e ataxia cerebelosa aguda da infância. 

Qual é a origem do termo “ataxia cerebelosa aguda”? 
termo  ataxia cerebelos aguda vem da palavra latina "acutus" que significa "afiado", da palavra latina "cerebellum" que significa "pequeno cérebro", da palavra "a" que significa "não", e da palavra "taxis" que significa "ordem".  


(artigo traduzido) 




(Por lapso, não identificámos a fonte do artigo sobre o debate multiparticipado sobre o acesso a terapias, http://www.eurordis.org/pt-pt/news/entre-no-debate-multiparticipado-sobre-o-acesso-terapias. Pelo exposto, apresentamos as n/ desculpas.)